Posts Tagged ‘Viagem’

jul
04

Vietnam – Ásia 2012

Em março, deste ano, depois de conhecer Singapura (post aqui), fomos ao Vietnam. Um país cheio de cultura que deixa qualquer um encantado. Suas belezas naturais chamam a atenção de inúmeros viajantes, como nós. Logo que chegamos ao aeroporto internacional de Hanoi, capital do país, trocamos dólares por Dong’s (moeda da nação). Confesso que não conhecia a moeda. Tem estampado nas cédulas o rosto do maior líder do país, Ho Chi Minh. A antiga cidade Saigon, ao sul do Vietnam, hoje se chama Cidade de Ho Chi Minh. Hanoi e Halong Bay ficam ao norte. Desembarcamos em Hanoi e fomos direto a Ha Long Bay, depois voltamos a Hanoi.

A moeda é muito desvalorizada, trocando $200, ficamos literalmente milionários, hahaha:

Ao chegar em Ha Long Bay (3 horas de Hanoi), dormimos no Hotel da rede Novotel (que por sinal, o Novotel de NY é o melhor hotel do MUNDO, nada exagerada né? Como se conhecesse todos), e de manhã nos deparamos com esse café da manhã, chato ein?

Logo em seguida, embarcamos no Paradise Cruises, cruzeiro que fica dois dias e uma noite na Baía de Ha Long, nos encantando com seus segredos e belezas.

O almoço de recepção:

Todos já no clima:

No final da tarde, fomos conhecer a maior gruta de Ha Long Bay, é muito incrível, muito HUGE! Nunca vi nada assim. A nossa gruta de Ubajara, aqui no Ceará, não chega nem perto em relação ao tamanho, apesar de ser muito linda também.

Todo o grupo reunido:

Olhem a imensidão, essa é uma das partes da gruta. Foram 2 horas andando!

Vista saindo de lá (estava neblinado):

Voltando para o cruzeiro com as únicas pessoas (muito fofas) da tripulação que desenrolavam o inglês.

Existe mais gostoso? Tomei um chá bem quente e fiquei por uns 30 minutos só admirando da varanda do quarto:

Em seguida tivemos aula de como fazer o famoso Rolinho Primavera (para quem não sabe, é típico vietnamita, não é chinês), MUITOOOO BOOOOMMM!

No café da manhã, a famosa sopa vietnamita, a Pho Soup. Caué amou, eu nem provei!

Depois do café, na varandinha, curtindo o friozinho:


Desembarcando do cruzeiro, fomos rumo a Hanoi. Apesar de ser a capital, não é a maior cidade do Vietnam, é a segunda maior (atrás da antiga Saigon). Visitamos o Mausoléu do idolatrado Ho Chi Minh. Curiosidade: Para quem não sabe, Ho Chi Minh é apelido, e significa “aquele que ilumina”. Ho Chi Minh declarou a Independência do Vietnam do Norte na praça onde fica seu Mausoléu, libertando os vietnamitas da dominação francesa. Foi muito legal escutar a versão deles sobre a Guerra do Vietnam. Nós aprendemos no colégio que, o Vietnam do Norte tentou tomar o Vietnam do Sul, para virar um país unificado e comunista. E nosso salvador, Estados Unidos da América, entrou para apoiar o Vietnam do Sul a lutar contra dominação do Vietnam do Norte. Já eles contam que os dois países (Vietnam do Norte e Vietnam do Sul), queriam a unificação, e os EUA temiam o famoso efeito dominó, em que os países, influenciados pelo Vietnam, também virassem comunistas, algo que EUA não queriam nem um pouco. Cada lado tem uma história, é como briga de namorado. Foi muito interessante escutar a versão que eles contam e ensinam na escola.

*Nós chamamos Guerra do Vietnam. Eles chamam Guerra Americana.

É muito comum ver mulheres vendendo frutas, frituras e outras comidas nas ruas:

Visitando templo Confucionista. Foi muito legal conhecer de perto uma cultura tão diferente da nossa. Confúcio pregou a moral, a lealdade, a sinceridade e a justiça. Era dia de domingo, o templo estava cheio de pessoas com fé, fazendo seus rituais de oração, foi muito legal.

Crianças se preparando para o ritual de formatura de uma Escola Confucionista:

Imagem de Confúcio:

Os crentes deixam biscoitos, frutas, água engarrafada, dinheiro, como forma de agradecimento:

Depois visitamos um templo Budista. Também muito interessante e muito bonito. Siddhartha Gautama (o Buda) era hindu. Acabamos conhecendo mais detalhes sobre essa religião na Índia, onde somente 2% da população é budista, mas, sendo considerada pelos hindus religião derivada do Hinduísmo, aprendemos mais por lá.

Eu me achando uma vietnamita:

Muita fritura nas ruas:

Não gosto nem de relembrar esse almoço de despedida, minha boca já fica salivando. O melhor spring roll (rolinho primavera) de todos os tempos e um fried rice (arroz frito) que não cansei de comer. Só de escrever esse post já engordei 3kgs no pensamento.

Nós amamos o Vietnam. Todos foram muito receptivos, a comida é muito gostosa, a cultura é bem diferente e tudo muito interessante. Gostaram? Até amanhã!